"A liberdade de imprensa é a permissão de qualquer aleijado bater-se com um professor de esgrima." (Luís da Câmara Cascudo)

Da autonomia em política - Cornelius Castoriadis

A filosofia não é filosofia se não expressa um pensamento autônomo. Que significa autônomo? Isto é autônomo, "que se dá a si mesmo sua lei". Em Filosofia, está claro: dar-se a si mesmo sua lei, quer dizer estabelecer as questões e não aceitar autoridade alguma. Pelo menos a autoridade de seu próprio pensamento prévio.

O poder na era das redes sociais

A comunicação de masas é aquela que tem o potencial de chegar ao conjunto da sociedade e é caracterizada por uma mensagem que vai de um a muitos, com interatividade inexistente ou limitada. Autocomunicação de massas é aquela que vai de muitos para muitos, com interatividade, tempos e espaços variáveis, controláveis.

Hayek contra Keynes: o debate do século

As linhas divisórias que hoje cruzam pensamento econômico devem muito a este debate. Por exemplo, a análise do papel do Estado e da política na gestão econômica depende essencialmente desta polêmica.

O Califado contra o resto do mundo

Quem ganha e quem perde com o novo realinhamento geopolítico no Médio Oriente?

Colapso do petróleo e do sistema financeiro ameaça expropriar os fundos de pensão

Desde os resgates bancários de 2008 houve um debate produtivo sobre a necessidade de mudar o sistema e evitar os monstros bancários "grandes demais para falir", que tiveram que ser resgatados pelos governos.

sábado, 16 de julho de 2011

O Uruguai está nas semifinais da Copa América

Nos pênaltis, a dona da casa e favorita ao título Argentina está fora da copa América, com uma cobrança desperdiçada por Tevez, e os donos da casa continuam no jejum que já dura 18 anos.

Gol do Uruguai // Reuters (Reuters)
imagem: Reuters
Argentina e Uruguai se entregaram dentro de campo em um jogo com direito a expulsões, bolas na trave e defesas impressionantes. Fernando Muslera, o goleiro uruguaio realizou verdadeiros milagres e quando não conseguiu evitar o gol, a trave se encarregou de defender as tentativas argentinas.
Um jogo cheio de eletricidade. Assim foi o início do confronto entre Argentina e Uruguai pelas quartas de final da Copa América. A final antecipada como foi chamada por muitos começou em alta velocidade e logo aos 8 minutos, Diego Perez abriu o placar para o Uruguai.

A Argentina não sentiu o gol e aos 18 minutos empatou com Higuaín. O atacante argentino recebeu cruzamento de Messi concluiu. As expulsões também foram um ingrediente de dramaticidade quando o Uruguai perdeu Diego Perez no 1º tempo. Já Argentina ficou com dez jogadores com a expulsão de Mascherano já no fim do segundo tempo. 

Nas penalidades o herói Muslera ainda pegou o pênalti de Tevez e classificou o Uruguai para a semifinal contra o Peru.

Norte e Nordeste concentram maior índice de estudantes fora da faixa etária

O percentual de estudantes que estão atrasados na escola é maior nos estados do Norte e Nordeste. No Pará, quase 40% dos alunos do ensino fundamental não cursam a série adequada para sua idade, enquanto a média nacional é de 23,6%. No ensino médio, o problema atinge quase 60% dos alunos paraenses. É o que apontam as taxas de distorção idade-série do Censo Escolar 2010. O indicador mede a proporção de alunos que não está matriculada na série indicada à faixa etária. Bahia e Sergipe também têm altos índices: 38,1% e 37,9%, respectivamente.

De acordo com a Secretaria de Educação do Estado do Pará, o governo está desenvolvendo "ações de curto, médio e longo" prazo para resolver o problema. Uma delas é o projeto de aceleração nas escolas da rede estadual que promove a reorganização dos estudantes no período de três anos para correção de fluxo.
Por meio da assessoria de imprensa, a Secretaria de Educação de Sergipe disse que reconhece a alta taxa de distorção idade-série no estado e afirma que o problema é causado pelos "índices elevados de reprovação e abandono". O órgão também destacou que desde 2005 já desenvolve um programa para correção de fluxo e está investindo em projetos que "causem impacto direto na gestão da sala de aula", mas que os resultados "não aparecem de imediato". A Secretaria de Educação da Bahia foi procurada pela Agência Brasil, mas não se manifestou sobre o problema até a publicação desta matéria.

Pela legislação que organiza a oferta do ensino no país, a criança deve ingressar aos 6 anos no 1° ano do ensino fundamental e concluir a etapa aos 14. Na faixa etária dos 15 aos 17 anos, o jovem deve estar matriculado no ensino médio. De 2008 a 2010, o percentual de alunos que não estão na série adequada registrou leve alta. A taxa passou de 22,1% no ensino fundamental, em 2008, para 23,6% em 2010. No ensino médio, o percentual era de 33,7% em 2008 e foi e chegou a 34,5% no ano passado.

Na outra ponta, o estado com a menor taxa de distorção idade-série no ensino fundamental é São Paulo: 8,4% dos alunos desta etapa não cursam a serie adequada a sua idade. Em seguida aparecem Paraná (14,8%) e Santa Catarina (15,2%). As três unidades da federação também têm os menores índices no ensino médio, sendo os estudantes catarinenses os com melhor resultado: 16,4% estão atrasados na escola.


Agência Brasil

Série "A" 2011 10ª rodada

  X  20/07/2011
19:30
  X  20/07/2011
19:30
  X  20/07/2011
19:30
 2  X  1 17/07/2011
18:30
 0  X  317/07/2011
18:30
4  X 0 17/07/2011
18:30
Santos0  X  016/07/2011
21:00
Atlético-GO0  X  116/07/2011
18:30
3  X  116/07/2011
18:30
2  X  116/07/2011
18:30

Concurso Nacional do SEBRAE



Concursos Públicos
Encerram-se nesta segunda-feira (17) as inscrições para o concurso nacional do SEBRAE. O certame oferece vagas em diversas áreas com formação superior em  ciências contábeis, administração de empresas ou Comunicação Social, biblioteconomia, relações públicas, Administração de Empresas ou Marketing, Administração de Empresas; Economia; Contabilidade ou Engenharia, Ciências Exatas, preferencialmente em Economia ou Engenharia ou na área de Ciências Humanas em Administração de Empresas. A experiência deverá ser comprovada de, no mínimo, 6 meses de atuação, como profissional de nível superior.
A remuneração para os aprovados é de R$ 4.287,93 à R$ 6.048,79 para Analista Técnico I e de R$ 7.088,39 à R$ 8.913,79 para Analista Técnico II. Além do salário, haverá os seguintes benefícios de Assistência Médico-Hospitalar e Odontológica, Plano de Previdência Privada, Vale-Transporte, Auxílio-Educação para filhos, Seguro de Vida em Grupo e Auxílio Alimentação ou Refeição.

Para se inscrever o interessado deve acessar o endereço www.cespe.unb.br até às 23:59 horas da segunda-feira. O valor da taxa de inscrição será de R$100,00.

Manifestantes são mortos na Síria durante protestos


28 pessoas foram mortas durante protestos sexta-feira na Síria, de acordo com a ONG. Um adversário sírio disse no canal de tvFrance24  no ​​sábado de manhã que 40 civis haviam sido mortos durante as manifestações, os mais massivos protestos anti governo desde o início da mobilização: observadores estimaram em mais de um milhão o número de pessoas que participaram nas manifestações em todo do país. incluindo 500 mil pessoas em Hama (210 km ao norte da capital), de acordo com Rami Abdel Rahman, membro do Observatório Sírio para Direitos Humanos (OSDH), citado pela AFP. Sr. Abdel Rahman também estimado em cerca de 500.000 o número de manifestantes em Deir Ezzor (países do Leste). Esta figura de um milhão é o mais elevado desde o início do movimento em meados de março, que parece continuar a crescer apesar da violenta repressão liderada pelas autoridades. Citado na noite passada pela AFP, Abdel Karim Rihaoui, um membro da Liga dos sírios de direitos humanos, também relatou dezenas de feridos, bem como novas ondas de detenções em todo o país. Ainda segundo a AFP, a maioria das vítimas foram mortas na capital e arredores. Houve 16 mortes em Damasco, incluindo 12 no distrito de Qaboune, 3 na de Roukn Eddine e no de Barz. Ao redor de Damasco, uma criança foi morta em Jobar e quatro pessoas em Duma e dois em Kadam. Havia também três mortes em Idleb (noroeste) e dois em Deraa (Sul), Rihaoui disse.

Professores do RN realizam nova assembleia para definir próximas ações do movimento grevista

Os Trabalhadores em Educação do Estado realizam nova assembleia na próxima segunda-feira (18). O encontro - na Escola Estadual Winston Churchill, às 14h30 – definirá as próximas ações do movimento grevista, que dura mais de 70 dias. A realização dessa assembleia foi definida no último encontro da categoria, realizado nessa quinta-feira (14), que decidiu, por unanimidade manter a greve, apesar da decisão do TJRN.

Esta já é a maior paralisação dos trabalhadores em educação da rede pública de ensino da história do Rio Grande do Norte. A categoria resistiu até mesmo à decisão do Pleno de desembargadores do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), que acatou o pedido do Governo do Estado e julgou a greve como sendo ilegal, na quarta-feira passada, 11.

Bullying

                     
O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lançou uma campanha para ajudar pais e educadores a prevenir e enfrentar a  violência física ou psicológica contra pessoa incapaz de se defender, também conhecida como Bullying. Os materiais mostram como lidar com esse fenômeno na comunidade e na escola que prejudica e interfere na formação de milhares de crianças e adolescentes no mundo todo.

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lançou uma campanha para ajudar pais e educadores a prevenir e enfrentar a  violência física ou psicológica contra pessoa incapaz de se defender, também conhecida como Bullying.

Os materiais mostram como lidar com esse fenômeno na comunidade e na escola que prejudica e interfere na formação de milhares de crianças e adolescentes no mundo todo. 

A campanha é composta por spots e cartilha escrita pela médica psiquiatra, Ana Beatriz Barbosa Silva. A autora também escreveu o livro “Bullying: Mentes Perigosas nas Escolas” sobre o mesmo tema.

Série "B' 2011 11ª rodada

3  X  0 Duque de Caxias16/07/2011
21:00
     3  X  2 16/07/2011
16:20
 2  X  0  Guarani16/07/2011
16:20
 1  X  2  16/07/2011
16:20
Salgueiro-PE2  X  1  16/07/2011
16:20
1  X  2Portuguesa15/07/2011
21:00
2  X  1Vila Nova15/07/2011
21:00
Goiás4  X  115/07/2011
21:00
Náutico3  X  212/07/2011
21:00
São Caetano2  X  012/07/2011
21:00

Ministério da Saúde disse...



Olá, Luiz Rodrigues!



O crack merece a atenção de todos nós. O consumo aumentou e não é mais raro encontrar usuários por perto. Essa droga traz malefícios aos dependentes, famílias e sociedade. Diante deste problema que pode atingir qualquer pessoa, independentemente de sexo, cor e classe social, precisamos unir forças na luta contra o crack. Saiba mais: http://bit.ly/gK3w8p.
Conheça os CAPS que estão espalhados em vários lugares do país para prestar auxílio aos dependentes: http://migre.me/2qkFl.

Curta nossa página no Facebook: http://migre.me/4GC6m.
Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude
Mais informações: comunicacao@saude.gov.br
Obrigado,
Ministério da Saúde

É preciso que o Brasil inteiro se una na luta contra esse grande mal que se instalou em nossa sociedade.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

IBGE aponta queda em migrações entre regiões

Pesquisa divulgada hoje (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra mudanças nas migrações entre as regiões do país. O estado de São Paulo não exerce a mesma atração de duas décadas atrás, e o Nordeste não é mais a principal área de emigração.

De acordo com o levantamento, o número de migrações entre regiões vem apresentando queda. De 1995 a 2000, 3,3 milhões de pessoas deixaram a região em que viviam. O número caiu para 2,8 milhões, entre 1999 e 2004, e chegou a 2 milhões no período de 2004 a 2009.

A Região Sudeste, entre 2004 e 2009, teve mais emigrantes do que imigrantes (saldo de 12,4 mil) e o Nordeste, de onde partia boa parte de pessoas em busca de melhores condições de vida em outras regiões do país, perde população em escala menor.

A pesquisa também mostra que, na maioria dos estados brasileiros, o fluxo de imigrantes e de emigrantes é praticamente igual. Entre 1999 e 2009, mesmo áreas consideradas tipicamente emigratórias ou aquelas potencialmente atrativas registraram trocas equilibradas.

Informações da Agência Brasil.

israelenses e palestinos se unem em manifestação por independência palestina

Manifestantes israelenses e palestinos em Jerusalém (Reuters)


Milhares de judeus e árabes participaram nesta sexta-feira (15) de um ato em Jerusalém a favor da homologação pela ONU do Estado da Palestina, com plenos direitos dentro da organização.A manifestação aconteceu ao longo da fronteira internacionalmente reconhecida entre a parte judaica da cidade e os territórios palestinos, ocupados por Israel desde 1967.
Os manifestantes protestaram contra a lei aprovada pelo Parlamento Israelense que impõe multas àqueles que promoverem boicote econômico, cultural ou acadêmico às colônias ilegais judaicas estabelecidas em território palestino ocupado, a seus residentes ou a seus produtos.
A manifestação, que transcorreu sem incidentes e tinha como lema “Marchando pela independência palestina”, termina no bairro palestino de Sheikh Jarrah, palco mais visado pelos israelenses para expulsar e instalar de forma ilegal novos colonos, destruindo casas e estabelecimentos comerciais de palestinos.
Histórica
Os manifestantes levavam bandeiras palestinas e gritavam palavras de ordem, entre elas “judeus e árabes se recusam a ser inimigos”. A manifestação é considerada histórica, tanto pelo número sem precedentes de manifestantes dos dois lados como pela maneira como foi coordenada.
No passado já ocorreram manifestações conjuntas de ativistas israelenses e palestinos, mas o número de participantes não ultrapassou a casa dos centenas e os atos foram coordenados por lideranças pacifistas israelenses e lideranças palestinas.
Na manifestação desta sexta-feira a coordenação foi feita com comissões populares de moradores de Jerusalém Oriental;
Segundo os organizadores, “esta manifestação é um evento histórico na luta não-violenta para acabar com a ocupação”.
“A manifestação prova que israelenses e palestinos são capazes de realizar juntos uma ação direta e não-violenta que terá um impacto importante nos eventos que acontecerão em setembro”, afirmam porta-vozes dos ativistas, se referindo à reunião da Assembleia Geral da ONU.
Com agências