Conhecimento: A verdadeira riqueza dos povos

           Quando que um governo brasileiro ou de qualquer nação em desenvolvimento vai abrir os olhos e perceber que o que realmente faz a riqueza de um Estado é o conhecimento. O Brasil não prioriza a educação como necessidade primária para atingirmos o pleno desenvolvimento. A Coreia do Sul é um exemplo, com uma revolução em sua educação, quando deixou de ser um país agrícola para atingir o status de nação altamente moderna.Só pra se ter uma ideia na década de 1960 a Coreia do Sul tinha uma taxa de analfabetismo de 35%.Em pouco tempo conseguiram praticamente erradicar o analfabetismo e colocar 83% dos jovens na universidade. O Brasil ainda hoje possui 13% de sua população analfabeta e apenas 18% frequenta as universidades. 
             O Brasil precisa investir no ensino fundemental, equipar suas escolas, estimular a formação de bons professores e dar condições para que este possa desenvolver seu trabalho. o professor precisa ser visto como um trabalhador da mais alta importância, como aquele que projeta o futuro do país.
               Para combater a violência presente em nossa sociedade não precisamos apenas colocar policiais nas ruas ou construir presídios, e sim de bons professores e escolas, ao invés de um presídio construa uma escola. Até porque dados confirmam que os indivíduos condenados, que são levados para as cadeias na tentativa de ser reeducado volta a cometer crime, ora como ser reeducado, se na maioria os criminosos não têm nem o ensino fundamental completo. O indivíduo precisa é ser educado durante a sua infância.

Postar um comentário

0 Comentários