‘Elites podres querem infiltrar pessoas no CNJ’, afirma a ministra Eliana Calmon

A Ministra Eliana Calmom , corregedora do Conselho Nacional de Justiça, foi condecorada a receber a Medalha Tirantes, a maior homenagem da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), durante o evento ela alertou os parlamentares e pessoas ligadas ao Judiciário sobre o risco de infiltração de pessoas dentro do CNJ. A ministra defendeu um Poder Judiciário correto e sem corporativismo.
- Elites podres do país já querem fazer infiltrações dentro do CNJ para minar a grande instituição que temos no Poder Judiciário. São setores diversos que tentam colocar representantes dentro do CNJ. É uma tentativa de fazer com que o CNJ tenha representantes dessa sociedade em fúria, mas isso ainda não aconteceu – advertiu Eliana.

Informações: Congresso em Foco e o Globo.

Postar um comentário

0 Comentários