Primeiras imagens de colisões em 13 TeV

Colisões de teste continuam hoje em 13 TeV no Large Hadron Collider (LHC) para preparar os detectores ALICE, ATLAS, CMS, LHCb, LHCf, MOEDAL e TOTEM para a tomada de dados, prevista para início de junho (Image: LHC Página 1)
Na noite do dia 19 de maio,  prótons colidiram  no  Large Hadron Collider  (LHC), com energia recorde de 13 tera eléctron-volts (TeV), pela primeira vez. Essas colisões teste foram a criação de sistemas que protegem a máquina e detectores de partículas que se afastam das extremidades da viga.
Uma parte fundamental do processo foi o set-up dos colimadores. Estes dispositivos que absorvem partículas vadias foram ajustados em condições de colisão de feixes. Este set-up dará à equipe do acelerador dados de que necessitam para assegurar que os ímãs do LHC e detectores estão totalmente protegidos.

Prótons colidem a 13 TeV enviando uma chuva de partículas através do detector ALICE (Image: ALICE)

Prótons colidem a 13 TeV enviando uma chuva de partículas através do detector CMS (Image: CMS)

Prótons colidem a 13 TeV enviando uma chuva de partículas através do detector ATLAS (Image: ATLAS)

Prótons colidem a 13 TeV enviando uma chuva de partículas através do detector LHCb (Image: LHCb)

Prótons colidem a 13 TeV enviando uma chuva de partículas através do detector TOTEM (Image: TOTEM)

Postar um comentário

0 Comentários