Apatia política ou política apática

Segundo pesquisa divulgada pelo IBOPE 56%  das pessoas consultadas não têm preferência por algum partido político.

Não é um fato difícil de ser percebido essa repugnância pelos partidos por parte da população brasileira; há dois aspectos distintos que contribuem para este quadro, em primeiro lugar é evidente que existe uma perda da capacidade de indignação, do conformismo, inclusive com a grande mídia atuando fortemente para manter as pessoas vendo tv dentro de suas casas e mesmo por que esse terrível modelo de vida individualista americanizado nos propõe, é compras e festas; em segundo lugar a falta de Partidos com "P" maiúsculo, o Brasil tem hoje, com raras exceções da esquerda, apenas siglas que legalizam as candidaturas, portanto, são partidos que não cumprem função político-ideológico, mas apenas de registrador de candidaturas.

Os próprios partidos sem essência gostam desse afastamento do povo para com a política, por isso que  sua imprensa está a mostrar escândalos de corrupção, ela aproveita-se disso para mostrar a política em um sentido diverso da verdadeira política.

Postar um comentário

0 Comentários